ECO DOPPLER COLORIDO

ECO DOPPLER COLORIDO

Entre todos os exames de diagnóstico do sistema venoso e arterial, o principal deles é o Eco Doppler colorido. Dotado de uma tecnologia de ponta e da utilização do ultrassom, o equipamento é capaz de reproduzir imagens de impressionante sensibilidade, especificidade e, acima de tudo, refletindo a dinâmica do organismo. Eis os grandes diferenciais deste aparelho: mostra com clareza o padrão do fluxo sanguíneo a partir de um diagnóstico nada invasivo, ou seja, sem utilização de cortes, agulhas, contrastes e emissões de raios-X.

Antes desta tecnologia, o médico contava com o ultrassom convencional (chamado de Modo B), cuja imagem era estática e em tons de cinza. Era possível ver características vasculares, mas o fluxo sanguíneo em si não era retrado pelas ondas de ultrassom, limitando a clareza do diagnóstico. Com o avanço da ciência, no entanto, essa tecnologia passou a utilizar o efeito Doppler, descoberto no século 19 por Christian Doppler, e que permite que a imagem mostre a dinâmica sangue no organismo (dúplex scan).

Dessa forma, o ultrassom Doppler informa a velocidade, característica e o volume do sangue, além das imagens das veias e artérias, unindo assim as informações de anatomia e hemodinâmica. Com o advento da imagem colorida de ultrassom, a clareza anatômica ficou ainda mais apurada, trazendo inclusive a diferenciação entre veias (retratadas em azul) e artérias (em vermelho) – triplex scan.

Assim, dentre inúmeros diagnósticos, é possível identificar trechos com estenose (estreitamento) e dilatações (aneurismas), mal formações, alterações de velocidade de fluxo, comparando áreas saudáveis com regiões doentes e o nível de gravidade do quadro. Outro exemplo é a identificação do refluxo e calibres em veias com varizes, a rigidez, espessura e cacificações da parede dos vasos sanguíneos, assim como a presença de trombos agudos ou antigos – sempre de maneira não invasiva e em tempo real.

Por isso, hoje, além da parte diagnóstica, o doppler é usado como utilidade intra-operatório, indicando ao cirurgião a melhor maneira de intervenção a partir das características de um vaso – em punção eco-guiada para cateterismos e acessos venosos centrais, por exemplo. Ou então no tratamento das varizes com o endolaser, como é possível conferir neste artigo.

O Instituto Vascular Ricardo Gaspar conta com o Laboratório Não Invasivo de Fluxo Vascular, onde o paciente já é atendido sem precisar recorrer a laboratórios e agendas externas permitindo checkup vascular completo.

 

Compartilhar:

Comments (3)

  1. Sabe o que é melhor que tecnologia? - Instituto Vascular

    30 Nov 2018 - 3:28 am

    […] fibra óptica e a ação do laser dentro da veia, ele acompanha com imagem de ultrassom, feita pelo EcoDoppler Colorido, oferecendo a imagem intravenosa eco-guiada em tempo […]

  2. Izauro da Veiga e Souza

    08 Jan 2019 - 12:56 pm

    Quero receber sempre, novidades e informações.

    • vascular

      14 Jan 2019 - 6:44 pm

      Olá, Sr. Izauro. Será uma satisfação enviar-lhe nossos Boletins mensais pelo e-mail. Podemos usar o endereço que o senhor usou neste comentário?

Faça seu comentário

Receba nossas novidades

NewsLetter

Arquivo

Categorias

× Atendimento!

Olá! Conheça o Instituto Vascular

Telefones: (11) 3266-8959 /  (11) 3262-0336
Rua Itapeva, 240 - 14° andar - Conj. 1407/1408
Bairro: Cerqueira César - São Paulo - SP

Telefones:
(11) 3266-8959(11) 3262-0336
Endereço:
Rua Itapeva, 240 - 14° andar
Conj. 1407/1408

Cerqueira César - São Paulo